Vacina contra hpv

Uma em cada cinco brasileiras é portadora do vírus HPV. Fique atenta à prevenção
Por Redação

Para receber diariamente um cardápio balanceado e iniciar sua reeducação alimentar, assine o Bem Leve e tenha dicas nutricionais online à sua disposição.

Por BOLSA DE MULHER
www.bolsademulher.com

Uma em cada cinco brasileiras é portadora do vírus HPV. Além de causar verrugas genitais, o HPV pode potencializar a possibilidade de câncer no colo do útero. Fique alerta em relação à prevenção da doença e sobre a vacina contra esse vírus.
'Mais de 95% dos casos, atualmente, de câncer de colo do útero são causados pelo HPV, que provoca alterações estruturais no material genético da célula do colo do útero e da vulva', revela a ginecologista Dra. Rosa Maria Neme, Diretora do Centro de Endometriose São Paulo, clínica especializada no tratamento da doença.

O HPV é a sigla em inglês de Human Papilomavirus, papiloma vírus humano em português. Basta ter uma vida sexual ativa para fazer parte do grupo de risco. A doença sexualmente transmissível afeta a pele e as mucosas e pode provocar o surgimento de lesões genitais. De acordo com dados do Inca, estudos mostram que, no mundo, 50% a 80% das mulheres sexualmente ativas serão infectadas por um ou mais tipos de HPV em algum momento de suas vidas.

Embora seja uma doença comum ao sexo feminino quanto ao masculino, as mulheres tem mais chances de contaminação. 'As mulheres possuem uma resistência mais baixa à infecção pelo HPV, quando comparadas aos homens, por possuírem uma alteração da imunidade ao longo do ciclo menstrual, o que não ocorre no sexo masculino', explica a médica.
Atualmente, a vacina contra o HPV é o tratamento mais eficiente e garante imunidade de, no mínimo, dez anos. Ela é dividida em três doses: uma aplicação inicial, outra após um mês e a última depois de cinco meses da segunda aplicação. 'Por não existir nenhuma contraindicação ou efeito colateral, a vacina pode ser aplicada em mulheres a partir dos nove anos de idade. Além disso, hoje, já se preconiza sua aplicação até os 45 anos', diz. Mulheres que já foram contaminadas pelo HPV também podem receber a vacina e, com isso, diminuem as chances de voltarem a ter a doença.

Quer perder peso? Faça um dieta GRÁTIS ideal para você!